A ansiedade de todos nós

Gabriela Gorenstein fez uma interessante palestra na Sede sobre “Como lidar com a ansiedade nos dias de hoje”. A psicóloga abordou os diversos tipos de ansiedade e afirmou que esse mal atinge muito mais as mulheres que os homens.

Gabriela ressaltou que nem toda ansiedade é ruim, pois, normalmente, ela está relacionada com o medo, que pode ser útil em diversas situações. “Se muitos de nossos antepassados não tivessem sentido medo durante a guerra, por exemplo, e não tivessem se protegido, talvez muitos de nós não estivéssemos aqui hoje”, exemplificou.

abr-ansiedade-todos-nos-9

Alguns fatores ambientais também podem levar a essa ansiedade saudável, como o dia do casamento, porém, se os sintomas perduram e começam a atrapalhar a vida da pessoa, é preciso procurar ajuda profissional. “A ansiedade e a depressão são muito próximas, quase primas-irmãs, possuem vários sintomas em comum e em muitos casos andam juntas”. Na terceira idade, segundo a psicóloga, as fobias mais encontradas são medo de queda e de ir ao médico.

Ao final, respondeu perguntas sobre fobias e indicou as formas de tratamento para esse problema que afeta grande parte da população mundial atualmente.

Ainda na mesma tarde foram sorteadas as tradicionais cestas de Pessach, ricamente recheadas com produtos da festa, montadas pelas jovens do Grupo Tzehirot. Além do sorteio, a WIZO presenteou três famílias carentes com cestas decoradas. Também foi montada uma bela mesa, com uma keará e hagadot, em alusão à data que marca a saída do Egito.