Concurso já tem tema definido

Depois de muito debate, já foi escolhido o tema do Concurso WIZO de Pintura e Desenho 2017. “Brasil e Israel: Terras de Imigrantes”. Por ser um dos assuntos mais importantes da atualidade, ele certamente incentivará os alunos da rede pública estadual a colocar sua criatividade e o talento na tela.

Boa sorte a todos!

 

Vencedor do Concurso de Pintura e Desenho 2016 vai a Brasília

No ano passado, o aluno Gabriel José Custódio surpreendeu a todos com seu trabalho sobre o tema “Brasil-Israel: Turismo – Cultura e Lazer”. Ele desenhou um garoto israelense e um brasileiro, cada um com sua mala de viagem, descobrindo as belezas do país do outro. Com rara sensibilidade e com detalhes que impressionaram os jurados, recebeu o primeiro prêmio, que incluiu uma viagem à Brasília.

concurso-ja-tem-tema-definido-3

Na capital federal, Gabriel e sua professora Maria Cristina de Oliveira Lopes foram recebidos pelo ministro da Embaixada de Israel em Brasília, Itay Tagner. Eles foram acompanhados de Mariângela Lemos, da WIZO Brasília, que contou que o ministro ficou impressionado com a profundidade do trabalho do Gabriel. “Desde pequeno fui influenciado pela minha família, pois meu pai desenha e faz música – aliás, descobri que a música israelense é muito linda –  e penso em seguir a carreira artística”, revelou o aluno, quando recebeu seu prêmio no ano passado.

A professora ficou encantada com a viagem e pretende continuar incentivando seus alunos a participar do certame: “Em primeiro lugar gostaria de agradecer imensamente a todos os envolvidos no Concurso WIZO de Pintura e Desenho e reiterar que a iniciativa é importantíssima enquanto fomentadora de novos talentos bem como de incentivo ao conhecimento e integração das duas nações”, falou a professora.

Sobre a viagem à Brasília, a professora relatou: “Para o Gabriel, foi a viagem da vida dele. Ele encantou-se do início ao fim. Viagem de avião, hospedagem em hotel maravilhoso e acompanhamento das voluntárias WIZO Brasília com muito esmero e carinho. A audiência na Embaixada de Israel foi magnífica. Tudo foi magnífico”.