Sucot no Centro Novo Hotizonte

Como acontece tradicionalmente, as chaverot da WIZO-SP foram recepcionadas pelo rabino Noach Gansburg e sua esposa Pessy no Centro Novo Horizonte na comemoração de Sucot. Assim, as voluntárias cumpriram a mitzvá da festa de sentar e comer na sucá, e fazer as brachot (bênçãos) das quatro espécies: Etrog (cidra), Lulav (folha de palmeira), Hadassim (murtas) e Aravot (salgueiros).

“Segundo os cabalistas, quando entramos na sucá é como se recebêssemos um abraço de D’us. Esta é uma das duas mitzvot que fazemos com o corpo inteiro, a outra é o banho ritual, a mikvá. Cada festa descreve um tipo de manifestação de amor. Pessach representa o amor pelas palavras, pois é a data na qual contamos a história do nosso povo; Shavuot representa o beijo, pois por meio da entrega da Torá  tivemos o contato direto com D’us; Rosh Hashaná e Yom Kipur seriam a manifestação do amor pelo olhar, quando D’us nos observa durante os dias temíveis; e Sucot seria o abraço, a mais completa das demonstrações, que nos acolhe por completo”, explicou Pessy.

Ao final da palestra, todas saíram mais ricas de conteúdo judaico, além de saborearem um delicioso café, com chalá, bolos e frutas, gentilmente oferecidos pelos anfitriões.